Um bom clima organizacional é um dos responsáveis pela motivação das pessoas, assim como pela diminuição da taxa de rotatividade de funcionários.

Para que isso seja possível, a resolução de problemas do ambiente organizacional se faz indispensável. O quanto antes houver ações nesse sentido, menores são os danos causados por uma situação como essa. Sendo assim, veja 5 passos para conseguir uma resolução efetiva de problemas no ambiente de trabalho.

Ouça todos os lados

Antes mesmo de pensar como resolver os problemas, a primeira preocupação deve ser em reconhecer qual é a situação que está ocorrendo no local de trabalho. Isso só é possível ao ouvir todos os lados envolvidos.

Nesse momento, o recomendado é conversar com cada uma das partes, individualmente. As versões serão diferentes porque cada pessoa tem um ponto de vista, mas é fundamental encontrar o que elas têm em comum para entender o problema e seu ponto de partida.

Aja de maneira idônea

Se você tentar resolver problemas no local de trabalho e logo no começo tomar partido de um dos lados, o problema se tornará ainda pior. Caso um dos envolvidos sinta ou ache que você está favorecendo injustamente a outra parte o problema pode escalar de complexidade rapidamente.

Por isso, é fundamental agir de maneira idônea e neutra, tanto quanto possível. Procure ouvir e compreender bem a situação e agir de maneira justa em todo o processo.

Seja claro e objetivo

Agir com o máximo de clareza e transparência é uma dica que serve tanto para quando você está resolvendo o problema entre terceiros, como ao ser um líder de equipe, como também quando você está resolvendo uma questão sua com outra pessoa.

Qualquer falha na comunicação em um momento em que os ânimos já estão exaltados pode criar ainda mais problemas. Por isso, não abra margens para interpretações incorretas ou para fofocas.

Busque um acordo entre as partes

Depois de fazer a comunicação adequada, o ideal é que as duas partes estejam dispostas a resolver o conflito de maneira direta. Nesse caso, é importante agir como mediador desse acordo para que se chegue ao resultado desejado.

Se dois colegas de equipe se desentenderam, por exemplo, vale ouvir o problema, falar com cada pessoa separadamente, se comunicar da maneira adequada apontando os erros de cada um e, a partir daí, permitir a mediação.

Essa etapa serve para encerrar o problema e, uma vez que tenha sido feita, a questão deve ser superada de maneira definitiva pelo bem até mesmo do próprio negócio.

Aja de maneira preventiva

Uma vez que um problema tenha sido solucionado, é importante agir de forma preventiva para evitar que novas situações aconteçam. Monitorar o comportamento de quem se envolveu na questão e propor soluções que impeçam o problema de acontecer novamente criam um clima de trabalho melhor.

Ao colocar esses passos em prática, o resultado é que o ambiente fica mais adequado, positivo e favorável para o desempenho de todos, levando à dissolução adequada dos problemas.

Ricardo A. M. Barbosa é diretor executivo da Innovia Training & Consulting, professor de programas de pós-graduação em conceituadas instituições de ensino, Consultor em Gestão de Projetos há 15 anos e já atuou como executivo em grandes empresas como Ernst & Young Consulting; Wurth do Brasil; Unibanco; Daimler Chrysler.

Seus conhecimentos podem ser aprimorados com o curso de Negociação e Administração de Conflitos. Conheça mais e saiba como ele pode te ajudar.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

*