Entenda o que é mentoring

O mentoring — ou mentoria — é um processo muito utilizado na aceleração de startups. Ele consiste em unir uma pessoa com muito conhecimento de mercado a uma startup que está tentando se firmar no negócio. Com uma abordagem altamente estratégica e voltada para as necessidades e possibilidades de mercado, a startup consegue se desenvolver e se acelerar por meio desse processo de transmissão de conhecimento e de experiência. Nesse artigo, você vai entender como o mentoring tem ajudado no desenvolvimento das startups. Confira!

Favorece na transformação e concretização da ideia

As startups, especialmente em seus estados iniciais, contam com muitas ideias e caminhos, mas com pouca parte prática. Se isso não mudar ao longo de sua existência, o negócio tem poucas chances de se tornar totalmente viável e corre o risco de deixar de existir. Para evitar isso, o mentoring tem ajudado as startups a modificarem suas ideias de forma que se tornem mais produtivas e, principalmente, com mais chances de sucesso. Mais do que deixar essa ideia no papel, a ação dos mentores tem como função principal ajudar a concretizar e viabilizar essas mudanças para dar forma ao negócio.

Ajuda na utilização adequada de recursos

As startups precisam se preocupar com o uso adequado de recursos — e isso não vale apenas para dinheiro. Gastar tempo demais com uma ideia que não ressoa no mercado ou demorar demais para lançar novos produtos e fazer novos testes pode custar o sucesso do negócio embrionário. Além de gerar frustração, isso faz com que seja necessário recomeçar o processo desde o ponto de partida. Com o mentoring, por outro lado, as chances de isso acontecer diminuem. Ao contar com informações e conhecimentos de mercado, as startups conseguem alocar melhor seus recursos de forma a aumentar as chances de a empresa conseguir a transição correta para empresa.

Amplia a visão de negócio

O ímpeto de ter um negócio de sucesso faz com que muitas startups fiquem excessivamente focadas em seus processos internos. Ao desconsiderarem as mudanças do mercado que as cerca, podem perder visibilidade ou mesmo relevância, cedendo espaço para outras empresas iniciantes mais competitivas. Dessa forma, o mentoring age de maneira a abrir os horizontes do negócio, ampliando sua visão e mostrando novas oportunidades, desafios e soluções. Isso, inclusive, ajuda justamente na transformação e concretização da ideia.

Transfere conhecimento de mercado

Uma das maiores características do mentoring consiste justamente na transferência direta e sem ruídos de conhecimentos de mercado. Conhecimentos que só são conseguidos com anos de experiência e com uma série de erros e de acertos são passados mais facilmente pelo mentor para a startup, que se beneficia com essa inteligência de negócios. Essa transmissão de conhecimentos não apenas evita erros no meio do caminho, como gera um diferencial competitivo para o negócio, que consegue destaque mais facilmente. O mentoring vem ajudando as startups principalmente por ser capaz de gerar uma base de conhecimento estratégico que ajuda a empresa a se moldar e a agir da forma certa em busca do sucesso.

Ricardo A. M. Barbosa é diretor executivo da Innovia Training & Consulting, professor de programas de pós-graduação em conceituadas instituições de ensino, Consultor em Gestão de Projetos há 15 anos e já atuou como executivo em grandes empresas como Ernst & Young Consulting; Wurth do Brasil; Unibanco; Daimler Chrysler.

Nos comentários, conte quais as suas opiniões e experiência sobre todo esse processo e sua importância para startups.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

*