Uma mente criativa

Como ser criativa? A criatividade é um fator que deve estar presente em toda equipe, seja ela relacionada à produção criativa ou não. Isso porque é por meio dela que o negócio pode ter acesso a novas formas de pensar e de resolver problemas, além de favorecer a motivação de maneira geral. Um grande obstáculo para boa parte dos líderes consiste em garantir que a equipe seja estimulada da maneira correta de modo a se tornar adequadamente criativa. Para ajudar nesse processo, conheça quatro ferramentas que estimulam a criatividade da sua equipe.

Brainstorming

Embora o brainstorming seja uma espécie de metodologia para solução inicial de problemas, ele também é uma ferramenta que estimula a criatividade da equipe. Basicamente, essa ferramenta consiste em reunir a equipe e fazer uma chuva de sugestões sobre determinada proposição. Cada pessoa deve dar uma ideia ou sugestão, de maneira totalmente livre e sem julgamentos. Feito de maneira rápida, o brainstorming estimula o pensamento reativo e institivo, fazendo com que sua equipe consiga expressar melhor a sua criatividade em relação a uma determinada situação.

Desconforto criativo

Uma ferramenta pouco usual para estimular a criatividade consiste no desconforto criativo. Para utilizar essa ferramenta é preciso tirar os colaboradores da zona de conforto, como ao estabelecer metas desafiadoras ou colocá-los em um ambiente novo. Isso gera, naturalmente, um desconforto na maioria das pessoas, que estão acostumadas a determinados cenários. Em uma nova situação, a equipe tende a romper com pensamentos pré-concebidos e, com isso, passa a ter novas ideias de maneira mais natural. Às vezes, o desconforto criativo pode ser colocado em prática com pequenas mudanças que mexam com a rotina e, com isso, façam com que a equipe pense fora da caixa.

Mapas mentais

Os mapas mentais ou mindmaps são ferramentas muito úteis para a visualização de dados e também para dar visibilidade a uma situação de uma organização. Por meio de elementos conectados e bem destacados, é possível conhecer melhor as causas e efeitos de uma determinada situação e como ela está interligada a outras. Graças a sua característica extremamente visual, essa ferramenta é uma ótima opção para estimular a criatividade da equipe. A elaboração e mesmo a análise de mapas mentais aumenta o conhecimento da equipe sobre uma determinada situação, favorece a comunicação e facilita a elaboração de soluções e novas proposições.

Plataformas colaborativas

Integrar a tecnologia à realidade da equipe também pode ajudar a equipe a se tornar mais criativa, especialmente quando a opção escolhida consiste em uma plataforma colaborativa. Esse tipo de solução consiste em reunir a equipe em uma plataforma que pode ser modificada, acessada e compartilhada por todos os autorizados, gerando um ambiente favorável à discussão de ideias e ao planejamento.

Para empresas que possuem um calendário editorial ou de projetos, por exemplo, o Trello é uma boa opção. Já para empresas que desejem fazer documentos a várias mãos e com a participação de todos, o Google Drive é uma possibilidade.

Para colecionar e compartilhar ideias, usar o compartilhamento de cadernos do Evernote surge como uma das melhores opções. Tornar a sua equipe mais criativa é possível com a utilização de ferramentas que estimulem o pensamento lateral, a visibilidade sobre situações de negócio e também a colaboração de maneira geral.

O resultado é uma equipe que consegue ir além do senso comum, trazendo novas abordagens e soluções para o negócio.

Ricardo A. M. Barbosa é diretor executivo da Innovia Training & Consulting, professor de programas de pós-graduação em conceituadas instituições de ensino, Consultor em Gestão de Projetos há 15 anos e já atuou como executivo em grandes empresas como Ernst & Young Consulting; Wurth do Brasil; Unibanco; Daimler Chrysler.

Como você faz para tornar sua equipe mais criativa? Conte-nos comentários!

DEIXE UMA RESPOSTA

*