O mercado está mais dinâmico do que nunca e não é incomum ver empresas

que estão em um ambiente de constantes mudanças, sejam elas planejadas ou não.

Sem um bom líder, entretanto, a empresa pode ficar perdida no meio de tantas

transformações e os resultados podem ficar comprometidos de maneira geral.

Em uma situação como essa, um bom

líder tem papel fundamental para o sucesso da empresa. Veja, nesse artigo,

qual é a importância da liderança adequada em um ambiente altamente dinâmico.

A segurança e a motivação da equipe aumentam

Um dos papéis do líder em um ambiente como esse é funcionar como uma

espécie de âncora para os colaboradores. Quando tudo mais está mudando, mas os

colabores ainda contam com uma liderança forte, o resultado é que passa a haver

mais segurança por parte da equipe.

Mudanças, por si só, causam receio e medo em muita gente, então quando há

uma boa liderança em um ambiente altamente dinâmico, as pessoas se sentem mais

confortáveis para lidar com as novas situações. A consequência direta principal

se relaciona ao aumento de motivação

e de produtividade da equipe.

A gestão de mudanças acontece de maneira mais fácil

Um bom líder não tem o papel de apenas apoiar a equipe durante a mudança,

como também é ele quem conduz, ao menos parcialmente, algumas dessas mudanças.

Uma empresa de TI, por exemplo, está sempre mudando devido aos avanços a passos

largos da tecnologia.

Nessa situação, o líder não apenas ajuda a equipe a passar por essas

mudanças, como conduz o processo, estruturando quais são as etapas de

implantação, de treinamento para o novo cenário e de medição dos resultados.

No final, uma mudança conduzida gera menos impactos negativos e é

absorvida mais facilmente pela equipe.

Os resultados da empresa melhoram

Nem sempre é possível planejar e estruturar as mudanças pelas quais o

negócio vai passar. Um ambiente crítico, como o de uma crise,

imprime transformações constantes no negócio sem que haja um efetivo controle

sobre quais serão elas.

Assim, o ponto de apoio de uma empresa ou de uma equipe passa a ser o

líder. Com atitudes bem planejadas, acompanhamento de resultados e estímulo

adequado dos colaboradores, os resultados da empresa acabam melhorando mesmo

que ela esteja sob mudanças imprevistas ou não planejadas.

O processo decisório é favorecido

Uma das competências de um líder deve ser a capacidade de tomar decisões

assertivas e que sejam benéficas para a organização. Em um ambiente de

constantemente mutável, há um bombardeamento de decisões que devem ser tomadas

de maneira constante de modo a absorver todas as modificações do cenário de

maneira geral.

Enquanto alguns podem pestanejar nesse processo, um bom líder é aquele

capaz de tomar as melhores decisões para o negócio sem hesitar e de maneira a

absorver os impactos da maneira correta.

Assim, se o ambiente está mudando com frequência, ter um bom líder na

organização é indispensável para que as melhores decisões sejam tomadas.

Em um ambiente de constantes mudanças, um bom líder tem o papel de

engajar a equipe, de gerir essas mudanças, de alcançar resultados melhores e de

tomar decisões da forma correta. Com a integração de todos esses pontos, a

empresa se torna mais robusta para encarar todas as transformações do ambiente.

Ricardo A. M. Barbosa é diretor executivo da Innovia Training & Consulting, professor de programas de pós-graduação em conceituadas instituições de ensino, Consultor em Gestão de Projetos há 15 anos e já atuou como executivo em grandes empresas como Ernst & Young Consulting; Wurth do Brasil; Unibanco; Daimler Chrysler.

Agora que você já entendeu a importância de ser um bom líder em um

ambiente assim, aproveite para deixar seus comentários e opiniões sobre o

assunto.

DEIXE UMA RESPOSTA

*